quarta-feira, 31 de maio de 2017

Orçamento Regionalizado será debatido na Alesc


Alesc promoverá audiência para debater futuro do Orçamento Regionalizado

Com 20 anos de existência, o Orçamento Regionalizado promovido pela Alesc, será tema de uma Audiência Pública, no próximo dia 21 de junho, na Assembleia Legislativa.
Proposta pelo deputado estadual Marcos Vieira e aprovada por unanimidade nesta quarta-feira (31/05/2017), na Comissão de Finanças e Tributação, a audiência também debaterá a importância do Projeto de Lei Complementar nº 004.0/2016, chamado de Orçamento Impositivo.
Para o deputado Marcos Vieira, o debate em torno das reuniões do orçamento é fundamental para ouvir a sociedade. “Caso o orçamento não se torne impositivo, as reuniões do Orçamento Regionalizado vão cair no descrédito novamente, pois as lideranças vão continuar esperando anos e anos para que as obras definidas nos encontros sejam tiradas do papel”, diz o deputado Marcos Vieira.
Atualmente as obras e ações escolhidas nas reuniões do Orçamento Regionalizado entram no Plano Plurianual (PPA) e na Lei Orçamentária (LOA), mas não se tornam obrigação do Governo do Estado.

Pela proposta do Orçamento Impositivo, 3% do Orçamento Anual do Estado serão direcionadas para a execução das obras definidas pelo Orçamento Regionalizado. “Não ficará nas mãos de poucas pessoas decidir quais obras são vitais para cada uma das 36 regiões do Estado. Com o novo formato, o IDH de uma região, bem como o debate intenso com a comunidade, além dos representantes regionais, vão decidir o que é prioridade, e isso também não aumenta a despesa do Estado, pois o recurso já existe, apenas será carimbado para tal fim, seja em ações para a construção de escola, posto de saúde, estradas, pontes, ou o que a comunidade e os técnicos entenderem que necessitam”, explica Marcos Vieira.

SOS, Violência em Lages está fora dos limites

LAGES CLAMAM POR SEGURANÇA, OMORADORES DE LAS ASSALTANTES, BANDIDOS ESTÃO APRISIONANDO O POVO LAGEANO. A SEGURANÇA ESTA UM CAOS EM TODOS OS NÍVEIS. É HORA DOS ORGÃOS DE SEGURANÇA PÚBLICA DAREM O SINAL DE ALERTA VERMELHO PARA BANIR A INSEGURANÇA QUE IMPERA EM VÁRIOS BAIRROS DA CIDADE. É MORTES, É FURTOS DE CARROS, É ROUBOS DE ALIMENTOS, É O MEDO TOMANDO CONTA DOS COMERCIANTES É UMA SITUAÇÃO COMPLICADA!!! O POVO PEDE SOCORROOOOO

Deputado do PT diz que SDRs são cabidão de empregos em Santa Catarina

Deputado Décio Lima afirma SDRs transformaram-se em diretórios partidários


Décio usou a tribuna do plenário da Câmara dos Deputados para denunciar os custos e o apadrinhamento político das estruturas do governo do Estado


Brasília (DF) – O deputado federal Décio Lima, líder da Oposição no Congresso Nacional, denunciou o aumento nas despesas para manter as Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs), as antigas Secretarias de Desenvolvimento Regional (SDRs), que subiu para R$40,6 milhões em 2016, durante sessão na Câmara dos Deputados, nesta terça-feira.


O pronunciamento do deputado aconteceu após o jornal Diário Catarinense publicar reportagem sobre os custos das Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs), principalmente, os gastos com pessoal e outras despesas correntes, que subiram R$ 40,6 milhões em 2016, mesmo depois da alteração das secretarias de desenvolvimento regional para agências de desenvolvimento regional.  Os dados são do Portal da Transparência do Executivo estadual.


Segundo os dados, a ADR de Joinville lidera o ranking com um custo de R$ 31 milhões. Décio lembrou que Joinville é base de dois pré-candidatos do PMDB ao governo do estado. Em 2014, as SDRs somavam 1.698 servidores, 863 (50,8%) com filiação partidária. Além disso, dos 863 com filiação partidária, 535 se filiaram em 2004 quando foram criadas as SDRs. Em pessoal, quem lidera é Itajaí, com R$ 8,7 milhões.

Defesa Civil emite relatório. Quarta-feira (31) 9 horas

Nível do rio Carahá continua subindo e a chuva não dá trégua
- 132 atendimentos até agora (são deslizamentos, destelhamentos, quedas de árvores, muros, buracos em vias, alagamentos, pessoas ilhadas, etc.)
32 alagamentos (resgate a ilhados)
08 deslizamentos de terra
90 diversos (sinalização de vias e quedas de árvores principalmente)
OBS: Visto da necessidade de ativação de abrigos foram habilitados locais nos bairros Habitação, Caça e Tiro e Universitário. Todas as pessoas estão recebendo assistência médica, alimentícia, além de acompanhamento de assistentes sociais.
 
Abrigo Habitação (Associação de Moradores)
31 abrigados
Caça e Tiro (Associação de Moradores)
01 abrigado
Universitário (Associação de Moradores)
02 abrigados
Monitoramento:
Rio Carahá – 5.11 metros acima do nível e segue subindo
Precipitação: nas últimas 24 horas: 61.6 mm
Total de bairros atendidos: 45 e três localidades do interior
Total estimado de afetados: 660 pessoas
 
OBS: Por enquanto a situação só não é mais grave porque a água do Carahá, ainda tem um pequeno escoamento. Mas já está praticamente paralisada pelo represamento do Rio Caveiras. A preocupação, segundo a Defesa Civil, é daqui para frente, e quando a chuva parar. Este será o momento em que o rio Carahá deverá subir bastante.
Fotos: Greik Pacheco



Escolas nos bairros Várzea, Bom Jesus e Habitação estão com as aulas suspensas

Escolas nos bairros Várzea, Bom Jesus e Habitação estão com as aulas suspensas
No interior do município, na localidade de Índios e nos núcleos da Escola Itinerante as aulas também foram canceladas por causa das constantes chuvas
A Secretaria Municipal da Educação fez um monitoramento na manhã desta quarta-feira (31) em todas as unidades escolares da rede, devido ao acumulo de chuvas nos últimos dias em Lages. Até o fechamento desta matéria, as aulas foram suspensas nas seguintes Escolas Municipais de Educação Básica: Nicanor Rodrigues, localizada na Rua Álvaro Neri dos Santos, no bairro Várzea; a EMEB Bom Jesus, na Rua Bartolomeu de Gusmão, no bairro Bom Jesus; EMEB Lupercio Oliveira Koeche, na Rua Salvador Puci Sobrinho, no bairro Várzea e na EMEB Mutirão, na Avenida dos Pessegueiros, no bairro Habitação.
De acordo com a secretária municipal da Educação, Valdirene Vieira, no interior do município, na localidade de Índios e nos núcleos da Escola Itinerante as aulas também estão suspensas. “As constantes chuvas danificaram muito as estradas e em algumas localidades as pontes estão submersas. Já na cidade estas escolas ficam na região mais afetada pelos alagamentos. Vamos continuar com este trabalho de monitoramento em todas as unidades e se necessário for vamos suspender as aulas em outras escolas para preservar a segurança das nossas crianças”, disse.
Fotos: Divulgação
  


 

 

Outras informações acesse o site:

http://www.lages.sc.gov.br
Prefeitura de Lages

Secretaria de Comunicação Social Telefone: (49) 3221-1010

*Se não deseja

Trotes complicam atendimento da Defesa Civil

Notícias falsas só atrapalham o andamento dos trabalhos da Defesa Civil
Diante da situação complexa em razão das chuvas, a Defesa Civil segue atendendo a todos os chamados. No entanto, há quem não tenha consciência da gravidade da situação e acha tempo para passar trotes. Muitos chamados são falsos. Os técnicos do órgão pedem para que evitem esse tipo de atitude, justamente neste momento em que há mobilização total para atender a todos os chamados. “É preciso muita seriedade. A cada chamado falso pode significar num prejuízo imensurável em outra necessidade emergencial”, alertam os agentes da Defesa Civil.
Atendimentos
Conforme último relato foram realizados 132 atendimentos até agora, em diversas situações, desde pequenos deslizamentos a quedas de árvores, entre outros casos. Conforme a chuva continua os alagamentos também aumentam. São 32 registrados até o momento, incluindo o resgate a ilhados.
Abrigos
Diante da necessidade de ativação de abrigos foram habilitados locais nos bairros Habitação, Caça e Tiro e Universitário. Todas as pessoas estão recebendo assistência médica, alimentícia, além de acompanhamento de assistentes sociais. Na manhã desta quarta-feira (31), a Defesa Civil está efetuando novos resgates. Ainda não se tem informações de quantas pessoas. O abrigo do Caça e Tiro ainda tem vaga para mais 19. Além disso, os desabrigados serão encaminhados para o ginásio Jones Minosso.
Monitoramento
O rio Carahá está subindo rapidamente, e já atinge 5.42 metros acima do nível normal. Quanto à precipitação de chuva, são 76 mm acumulados nas últimas 24 horas. O grande problema, e que serve de alerta é de que o rio Carahá está subindo rapidamente.
Fotos: Greik Pacheco




______________________________________________

Acidente com 4 veículos na Hercilio luz em Lages

Acidente na Rua Hercílio Luz no centro de Lages nas proximidades do Jornal Gazeta Serrana envolveu 4 veículos



 1 Ford k é mais 3 motos que estavam estacionadas. Nada de feridos mais grandes danos matériais.


Alerta para risco eminente de enchente em Lages

Cemaden alerta para o alto risco de inundação em Lages
O Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais acaba de emitir um boletim de alerta máximo reportando a possibilidade de ocorrência de inundação da planície de abrangência dos rios Ponte Grande, Carahá e riacho Passo Fundo. Atenção especial ao rio Carahá, que corta a parte urbana do município.
Situação atual
O nível do rio Carahá encontra-se em 5,42, com elevação de 0,08 metro/hora, segundo dados da estação fluviométrica Cemaden/Rio Carahá. Apesar da pequena precipitação acumulada nas últimas horas na área urbana do município, há efeito de remanso do rio Caveiras e que continuará em elevação devido ao acumulado na bacia hidrográfica deste rio como também devido à previsão meteorológica.
Tendência
A previsão meteorológica indica continuidade da chuva moderada para as próximas horas e a possibilidade de acumulados expressivos para as próximas 24 horas em toda a bacia hidrográfica do rio Caveiras.
Recomendações
Atenção às áreas de risco mapeadas pela Defesa Civil. Estima-se que mais de 7.080 pessoas em 1.302 moradias estejam expostas ao risco alertado.
A Defesa Civil está atuando de acordo com as recomendações do Cenad, neste momento de alto risco de desastre, assim como seu impacto em potencial junto à população.

Ascom PML

terça-feira, 30 de maio de 2017

Buraco próximo a Acil, interrompe parte da Avenida Carahá em Lages

Chuva intensa provoca abertura de buraco perto da Acil



O trânsito segue em meia pista

Operários da Secretaria de Planejamento e Obras já estão em atuação na avenida Belizário Ramos (Carahá), próximo à Associação Empresarial de Lages (Acil), onde reparam um problema ocasionado pelas chuvas torrenciais dos últimos dias, provocando a abertura de um buraco com 30 centímetros de diâmetro na pista. No local, logo após a lombada eletrônica, há uma galeria.

Foi constatado que embaixo da superfície está um problema ainda maior, uma abertura com raio de quatro metros. O trânsito segue em meia pista. Agentes da Defesa Civil está imbuídos na ocorrência e o local está devidamente isolado e sinalizado, como orientação aos motoristas.

Defesa Civil realiza monitoramento do rio Carahá de hora em hora


As previsões indicam que poderá chover até 110 mm nas próximas horas em Lages
Já no início da manhã desta terça-feira (30) a equipe técnica da Defesa Civil de Lages, estava monitorando o nível do rio Carahá, na ponte da Avenida Belizário Ramos com a Rua Cirilo Vieira Ramos, entre os bairros Caça e Tiro e Habitação. O vice-prefeito Juliano Polese acompanhou os trabalhos.
De acordo com o executivo de Defesa Civil, Jean Felipe Silva de Souza, o nível do rio Carahá está cinco metros acima do normal. O último aviso do Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden) informa, em sistema de alerta, que a região de Lages deverá ter precipitação de 70 a 110 mm em pouco espaço de tempo. “Além do monitoramento estamos trabalhando na orientação e prevenção para que as pessoas, que residem nas proximidades do rio, não sejam pegas de surpresa com as águas”, explicou Jean.
No final da tarde desta segunda-feira (29) um grupo de dez servidores comissionados, da Prefeitura, participantes da capacitação das ações da Defesa Civil, no início do mês, foi convocado pelo órgão municipal para reforçarem a equipe de trabalho e auxílio às pessoas atingidas pelas chuvas dos últimos dias. Este medida se dá também em função da previsão de mais chuvas nas próximas horas, diante da possibilidade de enchente, a partir do alerta do Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais. “O abrigo montado no bairro Habitação está recebendo as primeiras famílias que tiveram que deixar suas casas. Outros locais também estão preparados, para se necessário, receber mais pessoas com toda a estrutura necessária”, comentou o vice-prefeito Juliano.
Fotos: Greik Pacheco
 



Outras informações acesse o site: 



http://www.lages.sc.gov.br Prefeitura de Lages 



Secretaria de Comunicação Social Telefone: (49) 3221-1010 
*Se não deseja mais receber esses e-mails favor entrar em contato

Laçada da Festa do Pinhão é uma das atrações deste ano

29ª Festa Nacional do Pinhão
 
Laçada da Festa do Pinhão é uma das atrações deste ano
 
Evento acontece no dia 11 de Junho na Chácara Bom Jesus com o objetivo do resgate do campeirismo que iniciou a festa
 
Nas primeiras edições da Festa Nacional do Pinhão, a laçada era um evento oficial das ações com uma agenda constante nos dias de festa. Para o organizador do evento, o tradicionalista, Silvio Girardi, a Laçada da Festa do Pinhão é um encontro de amigos apaixonados pela tradição gaúcha, “essa tradição é muito forte em nossa região, mas com o passar dos tempos foi esquecida, queremos agora resgatá-la e reunir os tradicionalistas”, comenta.
 
O acesso ao evento é gratuito, informações sobre inscrições através do e-mail girardilacador@gmail.com ou pelo telefone 98403 63 55.
 
Veja a programação da Laçada da Festa do Pinhão:
Dia 11 de junho, domingo:
8h – Duelo individual (inscrição limitada a R$100,00);
Premiação:
Força “A” 5 armadas – R$ 3.000,00 (3 ou menos)
Força “B” 3 e 4 armadas – R$ 1500,00 (3 ou menos)
Laçada em pelo (inscrições limitadas)
16h – Laçada em duplas – Inscrição R$ 60,00.
 
Fotos: arquivo Silvio Girardi




 

 

Outras informações acesse o site:

http://www.lages.sc.gov.br
Prefeitura de Lages

Secretaria de Comunicação Social Telefone: (49) 3221-1010

*Se não deseja

Vandalismo destrói lixeiras e placas de trânsito


 
Mais de 200 lixeiras já foram destruídas de janeiro a maio deste ano, em Lages
 
O vandalismo de tempos em tempos emerge nas brumas das noites lageanas, deixando às claras a ação de mentes desocupadas e, provavelmente, turbinadas pelo ódio ao patrimônio público. Somente no final de semana, como se não tivesse sido pouca a destruição causada pelo vendaval que até ponto de ônibus levou pela frente, cerca de dez lixeiras foram quebradas ao longo das Ruas Frei Gabriel e Lauro Müller.
A depredação também teve como alvo placas de trânsito, arrancadas, amassadas, entortadas, muitas delas com a base de sustentação, de concreto, quebrada. Até caixa de inspeção de eletricidade, instalada sobre a calçada, apresenta-se avariada, como aquela localizada na esquina das Ruas Lauro Müller e Coronel Córdova.
Segundo levantamento da Secretaria do Meio Ambiente e Serviços Públicos, já passam de 200 as lixeiras plásticas azuis destruídas pelo vandalismo, nestes primeiros cinco meses de 2017.
O secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô, lamenta o fato e lembra que quem quebra uma lixeira está destruindo o patrimônio que é de todos. “Preservar e zelar, neste caso, são palavras de ordem, para que tais equipamentos não venham a fazer falta”, fala o secretário.
 
Fotos: Ary Barbosa de Jesus Filho
______________________________________________

segunda-feira, 29 de maio de 2017

 AVISO METEOROLÓGICO - EPAGRI/CIRAM

CHUVA PERSISTENTE COM ALTO VOLUME EM SC!

Inicio: 30/05/2017 às 08:00h

Fim: 31/05/2017 às 00:00h

Regiões: Todas, começando pelo Oeste e Sul do Estado.

Previsão: Chuva, moderada a localmente forte em alguns momentos, com descargas elétricas (raios). Na noite de terça e na quarta-feira, a chuva intensifica com risco de temporal isolado.

Acumulado de chuva para terça-feira (30/05): Média de 10 a 30 mm no Estado.

Acumulado de chuva para quarta-feira (31/05): No Oeste e Meio Oeste, média de 30 a 50 mm. Do Planalto ao Litoral, média de 60 a 80 mm com pontuais maiores, especialmente no Litoral e Vale do Itajaí. Caso as previsões se confirmem há risco de Alagamentos, Enxurradas, Vendaval e Deslizamentos de Terra.

Sistema: Formação de um novo sistema de baixa pressão em SC.

Atualização: 29/05/2017 às 08h30min

Prefeito reúne colegiado para reunião emergencial

Colegiado se mobiliza para atender as eventualidades que possam ocorrer em função das previsões de mais chuva nas próximas horas.
Na manhã desta segunda-feira (29), o prefeito Antonio Ceron convocou o colegiado para uma reunião emergencial, para deixar todos em sintonia diante dos problemas relacionados à chuva. O executivo de Defesa Civil de Lages, Jean Felipe Silva de Souza fez um amplo relato da atual situação e pediu para que cada Secretário ou Executivo também se posicione ainda nesta segunda-feira, sobre o que foi afetado em suas áreas. A questão está sendo tratada com enorme atenção pela Prefeitura, principalmente porque os sistemas de alerta não tem boas previsões para as próximas horas. Há previsão de muita chuva para a terça e quarta-feira.
Conforme o Executivo da Defesa Civil, a maior preocupação é com possíveis deslizamentos e alagamentos, uma vez que o rio Carahá segue subindo de 3 a 5 cm por hora. Em Painel choveu nas últimas 24 horas mais de 55 mm, e a água do rio Caveiras represa a do Carahá, ocasionado o refluxo, que por sua vez, alaga as áreas mais baixas. “É que está acontecendo com a região dos bairros Habitação e Caça e Tiro”, salientou Jean.
Por outro lado, o Município está tomando todas as providências para resguardar as 20 pessoas que já estão alojadas num abrigo na Associação de Moradores do bairro Habitação. Este local está sendo monitorado pela Secretaria de Assistência Social e Habitação, inclusive, providenciando alimentação e segurança. Além disso, a Defesa Civil segue atendendo a todas as ocorrências comunicadas, e ações preventivas estão sendo executadas. Muitos materiais, como lonas plásticas, estão sendo distribuídos.
Já no interior, o secretário da Agricultura e Pesca, Osvaldo Uncini, comunicou que nesta segunda-feira equipes estão fazendo um levantamento criterioso da situação. Todas as pontes estão submersas, o que dificulta a passagem dos moradores. “Somente depois de a água baixar é que teremos um diagnóstico preciso dos eventuais problemas”, salientou Uncini.
Fotos: Greik Pacheco
 




 
 

Outras informações acesse o site:

http://www.lages.sc.gov.br
Prefeitura de Lages


VINÍCOLA DA SERRA CATARINENSE REALIZA ESTUDO PARA REGISTRAR FAUNA DA REGIÃO

Além da produção de excelentes vinhos de altitude, na Vinícola Abreu Garcia o cuidado com o meio ambiente, fauna e flora, também é prioridade. Tanto que, em parceria com a empresa Sumatra Inteligência Ambiental, está registrando e catalogando as espécies de animais que circulam pelo vinhedo e por alguns pontos da fazenda, que fica dentro de uma área de mais de 1.100 hectares.
O registro é feito através de “armadilhas fotográficas”, que funcionam como o sensor utilizado pela fiscalização das estradas. Sempre que um animal passar na frente de uma das três armadilhas espalhadas na fazenda, a câmera instantaneamente dispara e registra o animal. Posteriormente, com essas imagens, será possível constatar que fauna convive na região.
As armadilhas foram instaladas há cerca de um mês e vão ficar até o dia 13 de junho, quando as imagens serão apresentadas para estudantes de uma escola pública da Serra que visitarão a Abreu Garcia. A iniciativa, pioneira numa vinícola, é uma forma de celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado no dia 5 de junho.
Os estudantes vão passear pelo bosque e pelos vinhedos para conhecer os locais onde as câmeras estão instaladas e assistirão a uma palestra que vai mostrar os registros feitos nesse período de estudos. Até agora já foram fotografados diversos animais, entre eles o Bugio, o Tatu, a Lebre, o Graxaim e o Veado Virá, que ainda é foco de caçadores daquela região.
Para o veterinário Max Farjallat Raffi, esse contato com a fauna local é muito importante para que as crianças descubram as espécies que convivem no mesmo ambiente que elas. “Geralmente elas veem animais em zoológicos, nos filmes ou desenhos e são de espécies que habitam outras regiões. Com esse projeto, elas poderão conhecer espécies que vivem bem pertinho”, vibra.
O engenheiro Florestal Vilmar Picinatto Filho explica que a ideia do estudo é justamente conscientizar sobre a importância de preservar os animais da região. “Esse trabalho é de grande importância para o patrimônio histórico e natural dessa região. Precisamos conscientizar para acabar com a caça predatória”, afirma.
A partir das fotos já registradas, é possível perceber que os animais convivem muito bem com a plantação de uvas viníferas. O manuseio dos vinhedos não interferiu na vida dessas espécies, para a alegria do enólogo da Abreu Garcia Leonardo Ferrari. “A presença de animais selvagens convivendo de forma harmônica nos vinhedos é um verdadeiro bioindicador que corrobora com o manejo sustentável, que sempre foi preocupação aqui na vinícola”, completa.
 
Jornalista Paulo Scarduelli
Fone (48) 99112.7757
 
GRANGEIRO E SCARDUELLI COMUNICAÇÃO
 

Defesa Civil tem o suporte de outras Secretarias


 

As secretarias de Planejamento e Obras e a de Serviços Públicos e Meio Ambiente estão à disposição da Defesa Civil para auxiliar diretamente em ações que necessitam de pessoal de manutenção e maquinários. O auxílio vai deste da retirada de entulhos e galhos em pontos específicos e que obstruem a vazão da água, além de sinalizações em casos mais urgentes. Nesta segunda-feira (29), os servidores atuaram nos bairros Habitação, Bom Jesus, Caça e Tiro e em toda a Av. Belizário Ramos. Entulhos também foram retirados da barragem de Salto Caveiras.
 
O esforço conjunto envolve também as demais secretarias. A de Educação, por exemplo, mantém prontos dois Centros de Atenção Integral à Criança (Caic), um no bairro Guarujá e outro no Santa Catarina, caso seja preciso alojar mais pessoas, além das 24 que estão na Associação dos Moradores, do bairro Habitação. A Assistência Social disponibilizou pessoal para o atendimento aos desabrigados, e assim, todas as Pastas, de alguma maneira, estão prestando algum tipo de auxílio.
 
Fotos: Defesa Civil
 




 

 

Sálarios de comissionados da Câmara de Vereadores vem a tona

MATÉRIA DO REPÓRTER DANIEL GOULART ESCANCARA DADOS DE SALÁRIOS DA CÂMARA DE VEREADORES DE LAGES Controlador Interno da Câmara recebe R$ 11.982,00

Repórter Daniel Goulart deu início em seu programa de hoje (29) a uma série de matérias a respeito da Câmara de Vereadores.
Começou por destacar que hoje são 66 servidores, sendo que destes, apenas 14 são efetivos, o restante em comissão. Sem falar em pelo menos 14 outros terceirizados.

Veja os salários de alguns dos assessores:

Assessor parlamentar 1 ... R$ 3.211,00
Assessor parlamentar 2 ...... R$ 2.137,00
Assessor de comissões .... R$ 2.657,00
Assessor de Imprensa .... R$ 2.603,00
Assessor de Plenário ..... R$ 3.211,00
Assessor Econômico.... R$ 6.292,00
Assessor Especial…. R$ 4.387,00
Assessor jurídico.... R$ 6,812,00
Agente administrativo... R$ 7.356,00
Agente Especializado.... R$ 7.012,00
Contador ....................... R$7.389,00
Controlador Interno....... R$ 11.982,00
Jornalista....................... R$ 3.804,00
Motorista Oficial........... R$ 2.405,00
Técnico em Informática... R$ 4.791,00
Diretor Administrativo…. R$ 6.282,00
Diretor Geral.................... R$ 6.812,00
Diretor do Legislativo.... R$ 4.215,00
Gerente de Compras......... R$ 6.292,00
Gerente de telecâmara...... R$ 6.292,00
Gerente Legislativo de plenário e Comissões... R$ 4.215,00
Operador de Som......... R$ 2.051,00

Acham que são realmente necessários tantos assessores?
Nos próximos epísodios Daniel promete dar nome aos bois, isto é, apontar quem ocupa tais cargos e talvez.... de quem foi a indicação.
Não podemos perder os próximos capítulos. Eu estarei atenta!

Aida01.jpg
A presidente Aidamar Hoffer disse que foi um ato de "coragem", extinguir alguns cargos no início do ano, incluindo os seis de assessores correspondentes as três cadeiras de vereador extintas.
Coragem mesmo seria se pudesse acabar com a metade destas assessorias, pois, na prática o que fazem esses assessores? Um gerente de compras, por exemplo?
matéria feita pela amiga jornalista OLIVETE SALMORIA

domingo, 28 de maio de 2017

Defesa Civil alerta: situação ainda é de alto risco

A água dos rios não tem muita vazão e o refluxo pode causar inundação nas partes baixas da cidade

A Defesa Civil está com o plano de contingência funcionando em alerta máximo, a partir de comunicação do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos de Desastres (Cenad). O alerta que em princípio vale para até às 17 horas deste domingo (28), se deve à preocupação com os movimentos de massa, ou seja, possíveis deslizamentos em solo encharcado. Nesse caso, a atenção recai a alguns bairros como o Beatriz, Morro Grande e Ipiranga e adjacências. Além disso, há o perigo de refluxo com a retenção da água do rio Carahá, que poderá ocasionar inundações nas partes baixas da cidade, especialmente da ponte da Av. Dom Pedro em direção ao Caça e Tiro.
O prefeito Antonio Ceron, juntamente com o vice, Juliano Polese e o secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô, se reuniu com os técnicos da Defesa Civil na manhã deste domingo, para tomar pé de toda a situação. Na ocasião, foi informado que a situação até agora está sob controle, e que, caso seja necessário, já estão prontos três abrigos emergenciais dotados de toda a estrutura, desde cozinhas e suporte de assistentes sociais. O prefeito também soube que a Secretaria de Planejamento e Obras, está prestando apoio com o uso de máquinas, na desobstrução de valas, entre outros serviços.
De acordo com o Executivo da Defesa Civil em Lages, Jean Felipe Silva de Souza, a precipitação diminuiu em 3 mm por hora. Porém, informa que é para a comunidade estar preparada; atenta às informações, e se preciso comunicar o órgão responsável. Um dos motivos que gera preocupação é o acúmulo de chuva na região do município de Painel, que influencia em Lages. O rio Carahá, por exemplo, já está transbordando em alguns pontos, e pode subir muito, como já está ocorrendo no bairro do Novo Milenio. “Quando a água do Carahá fica parada e não escorre mais, é sinal de que a situação não vai ficar boa. Pode haver inundação”, alerta o Jean.

Telefones da Defesa Civil:
Plantão 98406 4037 – 3222 9661 e 199.

Ascom PML
Defesa Civil emite relatório atualizado dos acontecimentos em razão da chuva
Em 72 horas de chuva acúmulo foi de 78.8 mm
A parir de relatório emitido pela Defesa Civil de Lages, foram vários eventos adversos ocorridos no sábado dia 27. Por volta das 17hs, teve início uma chuva constante. Até por volta da meia noite, foram computados acumulados de 78.8 mm em 72hrs. A chuva ocasionou vários alagamentos onde o nível do rio Caraha subiu cerca de 3,38M. Também ocorreram rajadas de ventos que destelhou residências e houve queda de árvores.
Alertas:
Nº 1145/2017- CENAD/CEMADEN- RISCO ALTO DE ENXURRADA

Atendimentos em áreas afetadas:
- Zona Urbana:
Alagamentos:
Bairros: São Cristovão, Universitário, Sagrado Coração de Jesus, Centro, Habitação, Penha, Beatriz, Ipiranga, Santa Helena, Preá, Nadir, Vila Maria, Araucária, Copacabana,Várzea, Beatriz,Popular, Bela Vista, Jardim Cepar, Ponte Grande, Vila Esperança,  Santa Catarina, São Sebastião,Pró Morar,Caravágio.
Várzea: Queda de Muro
Popular: Destelhamento
Penha: Queda de Árvore:
Localidade de Salto Caveiras: Zona Rural (alagamento):

Total: 26 Bairros e 1 localidade.  
População Afetada (estimativa das pessoas atingidas):
Desabrigadas: 0
Desalojadas: 7
Total de afetados: 222

Abrigos:
Não houve a ativação de abrigos. Mas os abrigos dos bairros Habitação, Guarujá, Passo Fundo e os CAIC’s- Irmã Dulce – Nossa Senhora dos Prazeres já estão em alerta.

Os técnicos da Defesa Civil estiveram atentos durante a madrugada realizando o monitoramento dos satélites e acompanhando os avisos da Defesa Civil Estadual. Neste domingo (28) estão sendo realizadas avaliações nas áreas atingidas por alagamento/enxurrada, a limpeza das vias que acumularam barro e entulhos (através da Secretaria de Meio Ambiente) e também um trabalho com maquinário da Secretaria de Infraestrutura, a limpeza e retificação do riacho na Rua Manaus no bairro Santa Helena. Vale alertar que o risco de tempestade segue durante o domingo.
O prefeito Antonio Ceron também está sendo informado a respeito dos acontecimentos.

Ascom PML

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Associação Serrana dos Deficientes Físicos recebe doação de automóvel


 

 
Na tarde de quinta-feira (25), a Associação Serrana dos Deficientes Físicos (ADSF) recebeu do Governo do Estado à doação de um veículo adaptado. O secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), João Alberto Duarte, fez a entrega das chaves do primeiro carro próprio da instituição. A Câmara de Lages prestigiou o evento através da participação do vereador Gerson Omar dos Santos (PSD) e do diretor-geral Miltinho Mathias.
A ASDF conta com 240 associados, realizando cerca de 40 atendimentos diários aos deficientes físicos. Na entidade são desenvolvidas atividades como alfabetização, serviços de fisioterapia, terapia ocupacional, psicologia, assistência social, educação física, entre outros.
No dia 31 de maio, a instituição estará comemorando 22 anos de fundação. “Esse veículo vai nos auxiliar muito nos trabalhos realizados. Vamos ter mais independência para angariar recursos, além de poder prestar mais auxílio aos nossos associados”, agradeceu a presidente da ADSF, Vanilda Antunes Correa. 
 
 

Ampliação da linha de ônibus no bairro Jardim Cepar é recomendada à Transul

O requerimento 084/2017, apresentado na sessão de terça-feira (23) pela presidente da Câmara Municipal, Aida Hoffer (PSD), solicita à empresa responsável pelo transporte público do município Transul, a análise para a expansão da linha de coletivo no bairro Jardim Cepar, visando que a rota atenda os moradores da rua Senador Salgado Filho e da avenida Corina Caon.
Segundo o documento, o pedido se faz necessário, pois o itinerário da empresa contempla apenas quatro horários nos dias úteis. “Devido o crescimento populacional do bairro aumentou o número de pessoas que necessitam utilizar desta linha tanto para o trabalho quanto para o estudo”, justifica a vereadora. O Legislativo Lageano aprovou a recomendação e encaminhará ao diretor da Transul, Humberto Arantes, para que a empresa possa realizar o estudo de viabilidade para ampliação da linha.