sexta-feira, 28 de abril de 2017

Técnicos das prefeituras recebem capacitação para convênios

Numa parceria da Federação Catarinense de Municípios – Fecam, Amures e Escola de Gestão Pública Municipal – Egem, está acontecendo durante todo dia desta sexta-feira (28), uma capacitação sobre Sistema de Convênios do Governo Federal – Siconv.
Ao menos 30 pessoas entre gestores de convênios e técnicos de projetos das prefeituras da Serra Catarinense e de outras regiões participam do evento no auditório da Amures. A coordenadora do escritório de projetos da Fecam Marli Burato é que conduz a qualificação que já ocorreu em outras regiões do Estado.
“O objetivo é orientar os municípios sobre as normativas que regem as transferências de recursos seja da esfera estadual ou federal, atribuindo os procedimentos legais que envolvem a captação de recursos, gestão de convênios, contratos de repasse e prestação de contas”, explica Marli Burato.
A secretária executiva da Amures Iraci de Souza disse que a capacitação do corpo técnico das prefeituras é a melhor contribuição que entidades como Amures e Fecam dão aos municípios, porque os resultados surtem de imediato. Só com colabores bem qualificados é que as prefeituras têm eficiência de resultados”, resumiu Iraci de Souza.
Marciele Dallastra Torres que atua na área de captação de recursos há mais e oito anos, também participa da capacitação orientando passo a passo como os gestores de convênios das prefeituras podem operacionalizar o sistema. A capacitação contempla aspectos como legislação, portarias, demonstrativos, fluxograma de cadastramento e dentre outras áreas, check-list dos documentos necessários e relação de unidades cadastradoras.
Além da Serra Catarinense, a capacitação mobilizou técnicos de municípios como Videira, Capinzal, Abelardo Luz, São Lorenço do Oeste e Pouso Redondo.


Oneris Lopes 
Jornalista (DRT - 4347/SC) - AMURES
Associação dos Municípios da Região Serrana

 - - 
- (49) 3224-4800 - (49) 8815-0947 

Projeto prevê a limpeza e o plantio de árvores e flores

Um dos desafios da administração é estimular o cultivo de árvores e flores em toda a cidade

Transformar Lages na cidade mais limpa, mais florida e mais arborizada de Santa Catarina, até o término do mandato, é um dos objetivos, no campo ambiental, do prefeito Antonio Ceron. Para tanto, a atividade no Horto Municipal, localizado no bairro Caça e Tiro, foi incrementada a partir da valorização do quadro funcional, com melhor qualidade do ambiente de trabalho e na harmonia entre os trabalhadores.
Na prática já estão sendo cultivadas cerca de 30 mil mudas de flores decorativas, o suficiente para decorar toda a cidade durante o período de inverno. Alisson, boca-de-leão e amor-perfeito são espécies que melhor se desenvolvem no período de inverno. Sob a coordenação do secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô, um trabalho minucioso no controle das mudas está sendo liderado pelo engenheiro agrônomo Giovanni Tomazelli.
Os canteiros passam inicialmente por um processo de semeadura. Assim que ocorre a germinação vem a etapa da repicagem e a rustificação, ou seja, as plantas passam para a fase de fortalecimento. Após um período de aproximadamente três meses, as mudas ganham corpo, e logo são cultivadas nos canteiros estrategicamente localizados por toda a cidade. E, a partir disso, é só esperar a florada. Vale ressaltar que, enquanto se aguarda a floração, os canteiros recebem manutenção constante, com molhaduras semanais e adubação periódica. “Com esses cuidados as flores podem permanecer bonitas por mais tempo, durando até meados de novembro”, ressalta Giovani.
Por outro lado, conforme revela o secretário Mecabô, não serão cultivadas apenas flores no Horto Municipal. Faz parte do plano, aliás, iniciar em breve o plantio de mudas de árvores frutíferas, nativas e ornamentais. A proposta, que ainda faz parte de um projeto embrionário, é efetivar o plantio de aproximadamente 20 mil mudas ao longo do período administrativo de Ceron. Inclusive, já foram plantadas mais de 200 mudas, só neste ano. “Faremos o possível para conseguir, principalmente, se tiver o engajamento da comunidade, para que nos ajude na preservação. E mesmo que sejam arrancadas, quebradas ou morram, nós vamos persistir plantando um nova muda”, salientou o secretário.
Fotos: Carlos Alberto Becker


 


Outras informações acesse o site:
http://www.lages.sc.gov.br Prefeitura de Lages
Secretaria de Comunicação Social Telefone: (49) 3221-1010
*Se não deseja mais receber esses e-mails favor entrar em contato

Quatro passagens elevadas serão implantadas em pontos críticos e Av. Papa João XXIII sofrerá modificações

Em todos os locais que receberão as faixas elevadas há histórico de acidentes com atropelamentos, incluindo, em alguns casos, óbitos

A previsão do Município é de que no máximo na segunda quinzena de maio deverão estar instaladas as quatro passagens elevadas (travessias para pedestres) previstas para quatro endereços diferentes de vias em Lages. A decisão é da Coordenação de Segurança e Trânsito/Diretoria de Trânsito (Diretran), Já a Secretaria de Planejamento e Obras está incumbida de executar a obra, tratando-se de uma faixa pintada em lombada suave, diante da qual há redução de velocidade. A estrutura possui quatro metros de largura na parte superior e um metro de inclinação em cada um dos dois lados (largura).
Os mecanismos têm a finalidade de proporcionar maior segurança aos pedestres e serão inseridos na Avenida Luís de Camões, em frente à Escola de Educação Básica Rubens de Arruda Ramos e em frente ao Hospital Infantil Seara do Bem; Avenida Belizário Ramos (Carahá), na altura da passarela próximo à Escola de Educação Básica Industrial, sentido bairro Habitação, a cerca de 200 metros de distância do colégio, onde há Centros de Educação Infantil Municipal (Ceims) escolas municipais (Emebs), e na Avenida Santa Catarina, em frente ao Ferro Velho Cedrinho. Neste último caso há um declínio que provoca a dificuldade de se perceber e visualizar a presença ou a passagem de pedestre na faixa comum sinalizada no asfalto, por parte dos motoristas, imprimindo-se velocidade significativa no local.
O coordenador executivo de Segurança e Trânsito, Jacinto Bet, reitera que há uma grande preocupação contínua e primordial com a integridade das pessoas e, para isto, é fundamental providenciar, principalmente, travessias em ruas, com ênfase à atenção às crianças e adolescentes que se deslocam para chegar e sair dos colégios. “Na questão de mobilidade, temos alguns projetos em execução, nas pranchetas dos nossos engenheiros. Solicitamos à Secretaria de Obras para que estas travessias sejam prioridades diante de todos os nossos serviços.”

Sinistros

No final da tarde de quarta-feira (26), na Avenida Santa Catarina, um veículo parou na faixa de pedestre para dar passagem a uma pessoa e outros carros acabaram colidindo nas traseiras, ocasionando o que é popularmente chamada de engavetamento. Não houve feridos. Somente danos materiais. São comuns ocorrências com paradas de carros no lado direito, e os da esquerda, no caso de pistas duplas, desatentos, não freiam. Contudo, em todos os locais mencionados há histórico de acidentes com atropelamentos, incluindo, em alguns casos, óbitos. “Se a sinalização for respeitada pelos motoristas não aconteceria nenhum sinistro. Eu diria que, normalmente, 95% dos acidentes são gerados por negligência”, complementa o coordenador executivo de Segurança e Trânsito, Jacinto Bet.
No caso do Hospital Infantil, a instalação da travessia elevada foi a melhor alternativa, pois, segundo o coordenador executivo, o acidente ocorrido recentemente, envolvendo um automóvel e uma motocicleta, em que uma mulher faleceu, não foi ocasionado pela retirada do semáforo existente anteriormente no local. “Foi uma infeliz coincidência porque quando o semáforo retinha o fluxo na parte de cima da avenida podia-se fazer a passagem com segurança. Porém, no instante em que se liberava o trânsito no verde, os veículos já chegavam em frente ao Hospital com a mesma velocidade com que se chega hoje”, analisa.

Papa João XXIII


Passeio de trem à Coxilha Rica para contemplar as belezas naturais deste reduto serrano

Serão três dias de passeios com opções de horários, num percurso de 24 quilômetros, ida e volta, uma promoção da ABPF, comemorativa ao aniversário de 162 anos do 1º BFv

Numa promoção da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) em parceria com o 1º Batalhão Ferroviário (BFv) e a Prefeitura de Lages, dias 5, 6 e 7 de maio haverá passeio de trem (Maria Fumaça) pela Coxilha Rica, uma das regiões mais belas do Brasil. A prefeitura de Lages, através da Secretaria do Desenvolvimento e Turismo, dará suporte à divulgação deste evento, o qual faz parte da programação de aniversário de 162 anos do 1º Batalhão Ferroviário, sediado no bairro Conta Dinheiro, em Lages.
A venda dos bilhetes para este passeio inicia nesta sexta-feira (28) em vários pontos, ainda não definidos, mas se sabe que eles poderão ser comprados em farmácias, lojas e bancas localizadas no centro da cidade e também no bairro Coral. Cada ingresso custará R$ 55, sendo que crianças até cinco anos de idade poderão viajar de graça. Para cada passeio serão postos à venda 320 bilhetes.
O percurso do passeio é de 24 quilômetros, ida e volta, com saída da Estação Ferroviária de Lages, no bairro Ferrovia, e destino à Estação do Escurinho, na Coxilha Rica. Haverá serviço de bordo com venda de salgadinhos, chocolate e suvenires (lembrancinhas do passeio). Também está programado, para o dia 4 de maio, passeio de trem, de Lages até Vacaria (RS), exclusivo para o pessoal vinculado ao 1º Batalhão Ferroviário de Lages, uma cortesia que também faz parte da programação de aniversário desta unidade do Exército Brasileiro.

Dias e horários dos passeios:

Dia 05/05:
Saída às 13h e retorno às 15h
Saída às 16h e retorno às 18h30min

Dia 06/05:
Saída às 08h30min e retorno às 10h30min
Saída às 13h e retorno às 15h
Saída às 16h e retorno às 18h30min

Dia 07/05:
Saída às 8h30min e retorno às 10h30min
Saída às 13h e retorno às 15h
Saída às 16h e retorno às 18h
Foto: Divulgação
______________________________________________


quinta-feira, 27 de abril de 2017

MUITO FRIO


Nota Oficial

Nota Oficial
Tendo em vista os manifestos de diversas entidades sindicais brasileiras, programados para esta sexta-feira, 28 de abril de 2017, e com anúncio de paralisação em âmbito nacional, o prefeito Antonio Ceron, ressalta sua preocupação, diante da possibilidade de que haja prejuízo aos serviços prestados pelo Município, os quais, não podem sofrer descontinuidade. Diante da questão, informa que o atendimento à população será normal em todos os níveis.


Antonio Ceron
Prefeito Municipal de Lages

Audiência Pública vai discutir a lei que determina a divulgação, na internet, da lista de espera do SUS

O deputado Fernando Coruja propôs e será realizada nesta quarta-feira (26.04), às 10:00h, no Plenarinho da Assembleia Legislativa, Audiência Pública para debater o andamento das ações que estão sendo implantadas pela Secretaria Estadual de Saúde, com vistas ao cumprimento da lei estadual 17.066, que determina a publicação na internet da lista de espera para procedimentos feitos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
Segundo o texto da lei, a lista deverá ser divulgada em um site específico gerido pela Secretaria de Estado da Saúde e o serviço deve entrar em funcionamento até 12 de maio deste ano.Será responsabilidade do gestor do SUS na Secretaria de Estado da Saúde a atualização da lista, com base nas informações recebidas pelos órgãos de saúde e caberá ao SUS também a criação de um número telefônico gratuito para consulta da população.
De acordo o texto, as listas devem abranger todos os pacientes inscritos nas diversas unidades do SUS de Santa Catarina, incluindo as entidades conveniadas e outras prestadoras que recebam recursos públicos. Os pacientes serão identificados pelo CPF ou pelo número do Cartão Nacional de Saúde e os atendimentos deverão seguir a ordem de inscrição dos nomes, salvo nos procedimentos emergenciais. 
A lista de espera deve conter:
1 - A data de solicitação da consulta (discriminada por especialidade), do exame, das intervenções cirúrgicas ou de outros procedimentos 
2 - A posição que o paciente ocupa na fila de espera 
3 - O nome completo dos inscritos habilitados para consulta, exame, intervenção cirúrgica ou outros procedimentos 
4 - A relação dos pacientes já atendidos, por meio da divulgação do CNS ou do CPF 
5 - A especificação do tipo de consulta (discriminada por especialidade), do exame, das intervenções cirúrgicas ou de outros procedimentos; e a estimativa de prazo para o atendimento solicitado.

Dispensa de aulas na Escola Pinto Sombra gera requerimento

O requerimento 051/2017, de autoria do vereador David Moro (PMDB), solicita informações a respeito da suspensão das aulas na Escola de Educação Básica General José Pinto Sombra, no bairro Guarujá. Segundo o documento, apresentado na sessão de segunda-feira (25), os alunos chegaram a ser dispensados das aulas por um período de sete dias. Essas ausências têm sido registradas por dias contínuos e em semanas seguidas, o que vem trazendo preocupação quanto ao comprometimento do ensino aos estudantes da instituição.
O Legislativo Lageano aprovou a matéria que é endereçada ao Secretário de Educação do Estado de Santa Catarina, Eduardo Deschamps; à diretora de Gestão da Rede Estadual, Marilene da Silva Pacheco; e à diretora da escola Cleusa Aparecida Stroobel da Silva.
“Tivemos a informação de que nas terças-feiras uma turma está ficando sem aula, ainda não existem professores substitutos e os alunos estão sendo dispensados. Esperamos que os responsáveis nos esclareçam as informações apresentadas no requerimento”, comenta o vereador David, sobre as perguntas que seguem:
1.    Por que os alunos estão sendo dispensados com tanta frequência?
2.    Haverá a reposição dessas aulas?
3.    Se sim, já existe uma data prevista?
4.    Qual o motivo uma das turmas está sendo dispensada nas terças-feiras?
5.    Qual a situação em que a escola se encontra com relação à falta de professores substitutos?

- Barranco na Avenida Duque de Caxias é motivo de perguntas no Legislativo

Na sessão de segunda-feira (25), o vereador João Chagas (PSC) apresentou o pedido de informação 024/2017, que pergunta de quem é a responsabilidade da área ao lado do Colégio Objetivo, na avenida Duque de Caxias. No local existe um barranco e no seu topo um prédio, mas devido à ação do tempo já houve deslizamentos, os quais preocupam as pessoas que percorrem o referido trecho.
O documento foi aprovado na Câmara de Vereadores e será encaminhado Executivo Municipal em busca de respostas para as seguintes perguntas:
1.    Quem é o responsável em realizar obras de contenção daquele barranco?
2.    Se particular, algo já foi realizado para responsabilizar a execução da obra?
3.    Se é de responsabilidade do município, quais as providências já tomadas para conter o desbarrancamento?
4.    A defesa civil já tem ciência do problema? E qual o prazo para que a obra seja realizada e concluída?


Servidores comissionados passarão por curso como voluntários da Defesa Civil

A capacitação e treinamento devem ter início no dia 3 de maio, próxima quarta-feira

Por solicitação do prefeito Antonio Ceron, o secretário-executivo de Proteção e Defesa Civil do município, Jean Felipe Silva de Souza, através da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec), e em parceria com o 5º Batalhão de Bombeiros Militar (BBM), criou um projeto de capacitação exclusivamente para servidores comissionados da Prefeitura de Lages, com o objetivo de atuarem diretamente como voluntários nas ações da Defesa Civil. A ideia é atribuir aptidão aos funcionários para melhor atender à população nos casos de eventos adversos no município, como enchentes, vendavais e deslizamentos de terra.
A capacitação e treinamento devem ter início no dia 3 de maio, próxima quarta-feira. As instruções devem ser ministradas na sala de aula do próprio Corpo de Bombeiros. No cronograma consta previsão de aulas nos dias 3 (das 18h às 22h), 6 (13h às 19h), 10/05 (18h às 22h) e 13 de maio, das 13h às 19h.  Em cada um dos dias haverá um intervalo de 15 minutos.
Já existe uma proposta de grade curricular com as datas das aulas, carga horária e descrição de cada aula para apreciação. Serão 20 horas/aula de curso. Na descrição de aulas estão noções de Defesa Civil; ações preventivas; redução e prevenção de desastres; primeiros socorros (avaliação inicial da cena, sinais vitais, ferimentos, hemorragia, fraturas, queimadura, choque elétrico, desmaios); práticas de primeiros socorros (imobilização e contenção de hemorragias); práticas com embarcação a motor e a remo, e noções de prevenção e salvamento em ambientes aquáticos - treinamento no Salto Caveiras.

União em convênio

A parceria com o Poder Público e outras instituições está entre as metas do comando do 5° Batalhão de Bombeiros Militar e está prevista no convênio firmado entre a companhia e a Prefeitura de Lages. O documento diz que os bombeiros estão dispostos, também, a assessorar o Poder Público municipal nos assuntos ligados à Defesa Civil e à segurança contra incêndios.

Foto: Marcelo Pakinha
 


I Conferência Municipal de Saúde das Mulheres está marcada para dia 12 de maio

Está agendada para o próximo dia 12 de maio a realização da etapa municipal da Conferência de Saúde das Mulheres, uma edição inédita em Lages. O evento será aberto a profissionais e à comunidade em geral de forma gratuita, e promovido das 13h às 19h na Associação dos Aposentados e Pensionistas de Lages, situada na avenida Belizário Ramos (Carahá), 2.864. Os interessados devem se inscrever pelo link https://www.sympla.com.br/i-conferencia-municipal-de-saude-das-mulheres-de-lages__138348.
O eixo principal da 1ª Conferência Estadual de Saúde das Mulheres (Cesmu/SC), incluindo suas etapas preparatórias e a etapa nacional da Conferência, será “Implementação da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Mulheres”. Os eixos temáticos e todas as suas etapas serão os seguintes: o papel do Estado no desenvolvimento socioeconômico e ambiental e seus reflexos na vida e na saúde das mulheres; o mundo do trabalho e suas consequências na vida e na saúde das mulheres; vulnerabilidades e equidade na vida e na saúde das mulheres, e políticas públicas para as mulheres e a participação social. Na página da Secretaria de Estado da Saúde poderão ser consultados os manuais de orientação: www.saude.sc.gov.br. Informações: 3251-7656. A coordenação da Conferência da Saúde das Mulheres em Lages é Adriana Anacleto, também membro do Conselho Municipal de Saúde.

Etapa estadual em junho e nacional em agosto

A normativa aprovada rege que para a etapa estadual as propostas serão construídas no âmbito municipal, regional ou macrorregional e deliberadas em plenária na Conferência Estadual, que acontecerá nos dias 13 e 14 de junho de 2017, em Florianópolis. O número de delegados a serem eleitos nas etapas anteriores, que devem ser realizadas até 20 de maio, segue os critérios populacionais de representatividade.
No caso de Lages serão quatro delegados, regra que vale para municípios com até 50 mil habitantes. A 1ª Conferência Estadual de Saúde das Mulheres de Santa Catarina é uma etapa preliminar da 2ª Conferência Nacional, programada para o período entre 1 e 4 de agosto de 2017, em Brasília.
Fotos: Ary Barbosa
______________________________________________

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Manejo da Araucária será discutido nesta quinta-feira

O futuro das florestas de Araucárias na Serra Catarinense. Será o foco Workshop Manejo para Conservação de Araucária angustifólia no Sul do Brasil, que inicia nesta quinta-feira (27) e se estende até sexta-feira (28), no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Lages.
O evento idealizado pela Udesc/Lages com apoio da Amures, governo de Santa Catarina, Fundação do Meio Ambiente – Fatma e CDL, tem mais de 130 inscritos entre pesquisadores, alunos e interessados no assunto.
A palestra de abertura do workshop será com o professor e pesquisador do Curso de Engenharia Florestal do CAV/Udesc de Lages, André Felipe Hess, que apresentará a situação atual dos remanescentes de florestas com araucárias. Ainda pela manhã, o professor Cesar Augusto Guimarães Finger, da Universidade Federal de Santa Maria – UFSM, falará sobre competição, morfometria e manejo de floresta ombrófila mista com base no conceito de árvore individual.
No início da tarde o professor da Udesc, Thiago Floriani Stepka fará uma apresentação de Plano de Manejo para Araucária, com inventário e mensuração florestal. E encerrando as atividades do primeiro dia, está programada uma mesa redonda com perguntas abertas aos participantes em que terá como mediador, o professor Moisés Savian.
Ano passado os prefeitos da Amures aprovaram uma proposta que foi levada ao governo do Estado, para ter apoio legal na construção de um caminho que autorize o manejo sustentável da florestal de araucária. Essas discussões é que serão retomadas nesses dois dias, no evento que promete ser altamente técnico. 


Oneris Lopes 
Jornalista (DRT - 4347/SC) - AMURES
Associação dos Municípios da Região Serrana

 - - 
- (49) 3224-4800 - (49) 8815-0947 

Com o fim do Catarinense, Inter assegura calendário nacional também para 2018

Com a sétima colocação no Campeonato Catarinense, o Internacional de Lages voltou a assegurar calendário nacional por mais uma temporada. Caso não consiga subir para a Série C do Brasileiro neste ano, o clube já tem presença garantida na Série D de 2018.
Com isso, o Inter terá uma sequência de quatro anos consecutivos de competições nacionais, o que nunca tinha acontecido nos quase 68 anos de existência do clube. Desde 2015, o Inter disputou a Série D duas vezes (2015 e 2016) e uma vez a Copa do Brasil (2016). Neste ano, o Inter estará mais uma vez na Série D.
A estreia do Colorado Lageano no Brasileiro será no dia 21 de maio, em casa, às 16h, contra o Foz do Iguaçu. O Inter está no grupo A16 da Série D, que também tem Novo Hamburgo (RS) e São Bernardo (SP).


NO ANEXO:

- Lance de Inter 2 x 0 Avaí, partida que assegurou mais um ano de competições nacionais para o Colorado Lageano (Foto: Nilton Wolff)
 
--
Inter de Lages
Imprensa
 

www.interdelages.com.br

Crianças aprendem através do teatro como manter a higiene bucal


O grupo teatral foi montado pela equipe multiprofissional da Unidade Básica de Saúde (UBS) que atende os bairros São Cristóvão e Sagrado Coração de Jesus
Os alunos dos Centros de Educação Infantil Municipal (Ceims) Araucária, do bairro de mesmo nome, e Tia Anita e Juarez Pereira da Silva, ambos do São Luiz, tiveram um dia divertido e também de muito aprendizado nesta terça-feira (25). A peça “Era uma Vez no Reino dos Dentes” foi apresentada no Teatro Marajoara, e chamou a atenção dos pequenos sobre a importância da higiene bucal diária.
Participaram da atividade alunos de três a cinco anos de idade, matriculados no maternal e pré-escolar dos respectivos Ceims. Durante a semana passada, as professoras inseriram o conteúdo nas aulas ministradas em sala, com atividades que ensinavam como fazer uma escovação correta e incentivando as visitas regulares ao dentista.
O grupo teatral, tendo como público-alvo as crianças menores, foi montado pela equipe multiprofissional da Unidade Básica de Saúde (UBS) que atende os bairros São Cristóvão e Sagrado Coração de Jesus. O projeto iniciou no ano passado, quando foi criado para uma apresentação durante a Semana da Saúde Bucal, no mês de outubro, e o sucesso foi tão grande, com inúmeras solicitações para que tivesse continuidade, que a equipe resolveu melhorá-lo com intuito de expandi-lo. “Nossa intenção é focar nas unidades de ensino da rede municipal, para que as crianças tenham oportunidade de acesso ao aprendizado de forma lúdica e prazerosa sobre um assunto tão importante”, destaca o dentista e um dos criadores do projeto, Flávio Talhavini.
No grupo são todos atores amadores, mas com muita força de vontade de fazer o projeto valer a pena. São agentes comunitários, técnicos e dentistas da própria Unidade de Saúde que se dedicam a criar os personagens, ensaiar, montar o figurino e apresentar a peça. Já tem uma nova apresentação agendada, em um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).


terça-feira, 25 de abril de 2017

Prefeito se reúne com presidentes de bairros

Reunião no bairro Petrópolis foi a quarta e última deste primeiro ciclo da aproximação entre lideranças e o colegiado
O novo encontro com presidentes de Associações de Moradores, na manhã desta segunda-feira (24) ocorreu no salão comunitário do bairro Petrópolis. Foi a quarta e última reunião do primeiro ciclo de aproximação do prefeito, vice e secretários, visando ouvir e conhecer as realidades dos bairros, através da manifestação das lideranças. Todas as colocações foram registradas, para, em breve, a execução das principais reivindicações. O prefeito Antonio Ceron, na ocasião, ressaltou que o Plano Diretor do Município deverá passar por uma revisão. A comunidade terá que participar das discussões com mais profundidade, através de audiências públicas. “Será preciso definir com responsabilidade o que se quer para Lages de maneira humana e realista”, salientou.
A comunidade valorizou o fato de o prefeito se reunir com as lideranças comunitárias, e ouvir juntamente com o vice e o colegiado as necessidades individuais dos bairros. Do Petrópolis e Nova Petrópolis, entre os pedidos, o apoio aos grupos culturais; o retorno das atividades com artesanato e esportivas; revitalização dos espaços públicos; contribuição na reforma da sede da comunidade, e melhorias no acesso à Av. Papa João XXIII, pela Rua Joinville. Outros presidentes também pediram atenção aos seus bairros, em vários itens. Em alguns, caso do loteamento Vila Romana e bairro Ipiranga, a reclamação é de que estão praticamente esquecidos e alijados diante de tantas necessidades, que vão desde os problemas da falta de água à reforma dos pontos de ônibus.
Da liderança do Frei Rogério, o pedido para a revitalização da Rua João José Godinho, que atualmente é bastante usada para desafogar o trânsito; para que seja revitalizada a Academia da Terceira Idade e do retorno dos instrutores. Do Salto Caveiras, o registro de 20 pedidos, mas, os principais, como a distribuição de água e a limpeza do acesso foram reforçados. O prefeito Antonio Ceron deu a notícia de que o acesso à Santa Terezinha do Salto será totalmente revitalizado, e de que a questão da água já tem projeto em andamento junto à Semasa, inclusive, para o saneamento. “As reinvindicações e até mesmo as críticas ajudam no planejamento de nossas ações. Estamos na Prefeitura para trabalhar em benefício das pessoas”, finalizou Ceron.
Fotos: Greik Pacheco
 


Outras informações acesse o site:
http://www.lages.sc.gov.br Prefeitura de Lages
Secretaria de Comunicação Social Telefone: (49) 3221-1010
*Se não deseja mais receber esses e-mails favor entrar em contato

A pedido de Carmen Zanotto, comissão debaterá reajuste de plano de saúde

A deputada Carmen Zanotto (PPS-SC) quer que a Câmara promova audiência pública para debater, com representantes das operadoras e dos consumidores, os reajustes das mensalidades dos planos de saúde. O pedido da parlamentar foi aprovado pela comissão de Seguridade Social e Família.
No requerimento, a parlamentar afirmou que a contratação de planos de saúde se tornou, nos últimos anos, uma prioridade no orçamento doméstico dos brasileiros. “Mas manter o contrato com as operadoras tem se mostrado cada vez aviltante para os consumidores. Essa questão precisa ser debatida por esta Casa”, disse.

Segundo a parlamentar, o plano que tem causado o maior número de reclamação da parte dos usuários é o coletivo por adesão. “Trata-se de um plano peculiar, em que uma empresa contrata os serviços de assistência médico-hospitalar ou odontológico de outra, ajustando uma apólice que será oferecida a pessoas jurídicas”, explicou.

A deputada informou que os aumentos deste tipo de plano variam de 10% a 70% da mensalidade. “Para justificar o reajuste, as seguradoras dizem que as limitações anuais de aumento da Agência Nacional de Saúde somente são válidas para os contratos de seguro de saúde individuais”, criticou Zanotto.


Convidados
O debate contará com a participação do diretor-presidente da Seguradora Unimed, Helton Freitas; dos representantes da Agência Nacional de Saúde Suplementar e da Secretaria Nacional do Consumidor; e da gerente médica do Visão Institutos Oftalmológicos do Distrito Federal.








Mais informações:

Gabinete Carmen Zanotto

Silviane Mannrich
(49) 3223-6018 – (49) 99916-5436 Lages

Fundação Cultural e Escola de Artes preparam homenagem ao Dia Internacional da Dança

Teatro Municipal Marajoara receberá apresentações de diversos grupos culturais
Comemorado internacionalmente em 29 de abril, o Dia Mundial da Dança é um evento instituído pelo CID (Comitê Internacional da Dança) e Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) ainda no ano 1982. A data faz uma homenagem ao dançarino francês Jean-Georges Noverre (1727-1810), conhecido pela arte da pantomima. Em Lages as comemorações estão programadas para esta quinta-feira (27), no Teatro Marajoara, a partir das 20 horas, com entrada franca.
Segundo o coordenador da Escola de Artes, Salésio Padilha, estão programadas apresentações de grupos de danças da cidade. “Além das apresentações, a Fundação Cultural e a Escola de Artes homenagearão os grupos com troféus de participação”, informa.
Para o superintendente da Fundação Cultural de Lages, Gilberto Ronconi, o evento também marca o início das atividades da Escola de Artes, Eleonir Camargo Martins, “após o período de matrículas, agora nós preparamos a escola para um novo ano de atividades, entre elas, o projeto que marca a presença da cultura nos bairros como foi a proposta de governo do prefeito Antonio Ceron. O evento que faz homenagem ao Dia Mundial da Dança é nosso ponto de partida”, comenta.
Confira a lista dos participantes:


Academia Flex

Coreografia: Habib
Coreógrafa: Josiane Quilante

Colégio Santa Rosa de Lima
Coreografia: WORTH IT  FT
Coreógrafo: Anderson da Costa


Companhia Juliana Palleo 

Ponte sobre o rio Penteados será interditada para reforma

A interdição para a reforma será feita por três dias, já a partir desta terça (25)
A ponte sobre o Rio Penteados, na Coxilha Rica, será interditada esta semana, já a partir desta terça-feira (25), até a quinta (27/04). A interdição que será feita no horário das 8 às 18 horas, se deve à realização dos trabalhos da reconstrução por inteiro da ponte.
O local será sinalizado com orientação aos motoristas, para que usem o desvio pela localidade de São Jorge.

Foto: Divulgação

Fundação Cultural

sábado, 22 de abril de 2017

Caranga da Diretran é destruída em Lages


Incêndio criminoso destrói viatura da Diretran


O caso aconteceu no início da manhã deste sábado (22)


A Policia Civil de Lages já está investigando um crime praticado contra um patrimônio da prefeitura de Lages. O caso aconteceu na manhã deste sábado (22), quando por volta das 6h uma viatura da Secretaria de Segurança e Ordem Pública (Diretran) foi incendiado. O carro estava estacionado, juntamente com as outras quatro viaturas, em um pátio nos fundos da Rodoviária. Um funcionário de uma empresa de ônibus que chegava ao trabalho foi quem avistou as chamas e acionou o Corpo de Bombeiros. O secretário executivo da pasta, Jacinto Bet acompanhou o trabalho da perícia. “A principal suspeita é de uma ação criminosa. Até porque colocaram fogo no carro que estava no meio dos demais que estavam estacionados. Mas isso quem vai esclarecer é a polícia que já tem algumas informações de testemunhas”, aponta Bet. 

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Amures promove palestra motivacional aos gestores

O Caminho para o Sucesso Administrativo e Político da Gestão Pública Municipal. Foi o tema de palestra realizada para prefeitos, vices e secretários municiais na tarde de quarta-feira (19), no auditório da Amures. O objetivo é motivar os gestores e despertar ações que contribuam para o atendimento das demandas da população.
O professor Danilo Moritz, ex-prefeito de Brusque que coordenou uma pesquisa em mais de 50 prefeituras de pequeno, médio e grande porte ao longo de 20 anos, foi quem interagiu com os participantes do evento destacando fatores que levam o prefeito a ter sucesso na gestão.
O presidente da Amures prefeito de Otacílio Costa Luiz Carlos Xavier, disse que normalmente as capacitações são voltadas aos técnicos das prefeituras. Mas dessa vez, a proposta foi direcionada aos gestores. “Há sempre o que aprender, reciclar e melhorar na gestão pública. Temos de ter humildade e capacidade para se adaptar e se reinventar a cada dia”, comentou.
O palestrante enfatizou sobre a qualidade do atendimento do serviço público, cumprimento da legislação, desempenho e a imagem da equipe, articulação política e dentre outros assuntos a importância da comunicação e marketing na administração municipal. Toda a fala de Danilo Moritz foi baseada em planejamento e foco nas realizações a que se propõe o prefeito.


Oneris Lopes 
Jornalista (DRT - 4347/SC) - AMURES
Associação dos Municípios da Região Serrana

 - - 
- (49) 3224-4800 - (49) 8815-0947 

JACINTO BET, FALA NA ACIL SOBRE MELHORIAS PREVISTAS PARA O TRÂNSITO DE LAGES



O diretor executivo da Coordenação de Segurança e Transito  (Diretran) de Lages, Jacinto Bet, foi o convidado da reunião da diretoria da ACIL, realizada nesta segunda-feira (17/04). Questionado sobre os entraves do trânsito da cidade, ele pontuou algumas melhorias que estão previstas para o trânsito do município.

“Hoje nós temos 105 mil veículos emplacados em Lages. É difícil fazer trânsito em uma cidade mal planejada. Um fator negativo muito importante é a má educação da maioria dos condutores”, destacou Bet.

Segundo ele, com quatro meses de trabalho muitas questões já estão sendo estudadas e outras já estão previstas como uma rótula para o cruzamento da Rua Getúlio Vargas com a Avenida Luís de Camões, além de uma fuga de saída em frente ao Hospital Seara do Bem e outra rótula em frente ao Parque de Exposições Conta Dinheiro.

“Há muita coisa para ser consertada”, destacou o diretor que citou como exemplo o recuo das faixas de pedestres que ficam nas esquinas, pois hoje os motoristas precisam parar em cima das faixas para ter visibilidade se a passagem está livre. Segundo ele, também estão previstas a implantação de passagens em elevado onde há grandes fluxos de veículos como em frente a Caixa Econômica e Facvest, na Avenida Marechal Floriano, que logo receberá um elevado.

O diretor mencionou, ainda, que há fortes reclamações na Avenida Papa Joao XXIII sobre a ciclovia. “Lá ela foi implantada equivocadamente em uma pista que poderia ser de rolamento. Já passamos para o Seplan para que estude e passe a ciclovia para o lado de decida ou parte da calçada”, salientou.


Débora (49) 91667862
Descrição: assinatura_coringa

Carmen pede agilidade na implantação do Plano de Expansão em Radioterapia

A deputada Carmen Zanotto (PPS-SC), em audiência pública, ontem, na comissão especial que debate inovação tecnológica na saúde, pediu urgência na implantação do Plano de Expansão em Radioterapia para atender melhor a todas as regiões.
De acordo com o Ministério da Saúde, problemas técnicos estão dificultando a implantação do Plano em 80 hospitais de referência em tratamento do câncer em todo o país. A parlamentar revelou os problemas enfrentados pelos pacientes para fazer o tratamento quimioterápico.

“Além de terem de enfrentar essa doença grave, os doentes têm de ficar à mercê da burocracia”, afirmou. Como uma das maneiras para agilizar o atendimento, a deputada defendeu a transferência dos equipamentos das unidades hospitalares onde o serviço de tecnologia ainda não foi disponibilizado. Há unidades hospitalares em que os aparelhos ficam anos e anos encaixotados, enquanto os doentes clamam pelo tratamento”, disse a deputada, que é presidente da Frente Parlamentar de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer.

Carmen, ainda, pediu que o Ministério da Saúde promova a distribuição igualitária pelo SUS dos medicamentos que forem padronizados pelo Conitec (Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias).

“Não pode um estado receber determinada medicação e outros, não. Isso não pode continuar acontecendo”, ressaltou Carmen Zanotto, lembrando que em Lages pacientes estão sem realizar o tratamento contra o câncer por falta de medicamento.


Fotos: Robson Gonçalves/PPS

Mais informações:

Gabinete Carmen Zanotto

Silviane Mannrich
(49) 3223-6018 – (49) 99916-5436 Lages


Prefeitura pavimenta ruas no Centro e no bairro Universitário

Ambas as obras foram executadas com recursos próprios e por funcionários do Município”.– Clayton Bortoluzzi, secretário de Planejamento e Obras
A Secretaria de Planejamento e Obras iniciou nesta quarta-feira (19), a pavimentação de duas ruas do município. Uma delas é a Fausto de Souza, que fica na região central. A via, com 60 metros de extensão, já possui uma base de paralelepípedos e está recebendo uma camada de asfalto. Após a conclusão dos serviços será feita a reversão do estacionamento, passando do lado esquerdo para o lado direito da rua. O trânsito de veículos deve ser na noite desta quarta (19).
No bairro Universitário, a rua que dá acesso ao Instituto Geral de Perícia (IGP) de Lages, que fica atrás da Uniplac, também foi asfaltada nesta quarta-feira. Na via, que possui 36 metros. foram realizados os processos de preparação do solo e base para receber a camada de asfalto. No local, o trânsito já está liberado.
“Ambas as obras foram executadas com recursos próprios e por funcionários do Município. Além da economia com os custos, isso também nos gera uma economia de tempo na execução dos serviços”, destaca o secretário de Planejamento e Obras, Clayton Bortoluzzi.
Fotos: Divulgação Secretaria de Planejamento e Obras e Marcelo Pakinha
 


Outras informações acesse o site:
http://www.lages.sc.gov.br Prefeitura de Lages
Secretaria de Comunicação Social Telefone: (49) 3221-1010
*Se não deseja mais receber esses e-mails favor entrar em contato

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Deputado Coruja cobra posição do governador em relação a lava jato

Coruja sugere a Colombo "olho no olho" com os catarinenses

O deputado Fernando Coruja ocupou a tribuna da Assembleia para dizer ao governador Colombo que se apresse em dar uma explicação pessoal e política ao povo catarinense,"uma explicação que passe mais pela verdade e pelo seu sentimento em relação ao que está acontecendo e menos pelo que está aconselhando seu marqueteiro ou seu advogado". Para Coruja, a explicação jurídica que vem sendo repetida pelo governador "serve para proteger o direito patrimonial, o direito de ir e vir, mas é necessário uma explicação pessoal, em defesa de sua honra".
Lembrando que a verdade vai aparecer no decorrer das investigações,  mas que antes disso é necessário que o governador explique aqui no Estado, aos catarinenses, o que está acontecendo, Coruja ressaltou que na vida pública "a gente precisa se explicar, muitas vezes  dei explicações".  Ele foi adiante, e criticou a escolha de Brasília para a manifestação de Colombo sobre o assunto. "Brasília foi uma escolha absolutamente inadequada, precisa explicar aqui".

Coruja referiu-se à relação nefasta entre empresas e políticos em nosso país e ressaltou a necessidade de mudar essa realidade para que a classe política resgate a credibilidade junto à opinião pública.

Escola Santa Helena faz ato de apoio ao Inter em semana decisiva

Alunos, professores e funcionários da Escola Santa Helena, localizada no bairro de mesmo nome, o mais populoso da cidade, organizaram na manhã desta terça-feira um ato de apoio ao Internacional de Lages na semana do confronto contra o Avaí, pela última rodada do estadual. Uma vitória colorada assegura a permanência do clube na elite do futebol catarinense.
A iniciativa nasceu como um trabalho de aula de alunos do nono ano sobre a história do Inter, mas se transformou em uma mobilização da comunidade pela manutenção do clube na Série A. O mascote Leão Baio e os jogadores Neto Volpi, Jefinho, Michel Schmöller e Marquinhos participaram do evento.
Com faixas com os dizeres "nós não vamos deixar cair!", aplausos e fila para ganhar autógrafo dos atletas, os estudantes reforçaram a corrente de apoio à equipe. "Eu amo o Inter. Sou muito fã e vou realizar o sonho de abraçar o time", disse o estudante Willian Ribeiro, um dos idealizadores do trabalho escolar que se transformou na mobilização. Seus colegas Alessandro, Ana Paula, Cauê e Lucas também participaram da organização.
O Inter enfrenta o Avaí neste domingo, às 16h. Os ingressos promocionais para a partida já estão à venda na loja do clube por R$ 15 (arquibancada descoberta), R$ 20 (coberta) e R$ 30 (cadeiras). Na compra de um ingresso, o torcedor leva outro.


NOS ANEXOS:

- Imagens da mobilização na Escola Santa Helena (Fotos: Begair Godóy / Correio Lageano)
- Tabela de preços dos ingressos promocionais para o jogo de domingo
 
--
Inter de Lages
Imprensa
 

www.interdelages.com.br

Vence no dia 24 último prazo para pagamento em cota única do IPTU 2017

O contribuinte que quitar até esta data garante 10% de desconto

Encerra na próxima segunda-feira (24) o último prazo para o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) exercício de 2017. O contribuinte que desejar fazer a quitação do seu imposto em cota única garante 10% de desconto.
O secretário municipal de Administração e Fazenda, Antônio César Arruda, lembra que o IPTU 2017 não teve reajuste. Foram impressos quase 94 mil carnês, 30% a mais que em 2016. Com este montante, o valor lançado deverá alcançar R$ 24 milhões, 28% a mais que o exercício anterior. “Aqueles que não receberam os carnês via Correios podem retirar as guias através do site: www.lages.sc.gov.br, ou diretamente no Balcão de Arrecadação, localizado dentro do prédio da prefeitura”, explica o secretário. 
Pagamento parcelado
Quem optar pelo pagamento parcelado poderá dividir em até seis vezes. A primeira parcela já venceu no dia 10 de abril. As demais vencem no dia 10/05, 12/06, 10/07, 10/08 e a última no dia 11 de setembro.

__________________